Acne Cística e Hormônios: tudo o que você precisa saber

702
Avalie essa postagem

Ao contrário da crença popular, a acne não vai embora depois de completar 18 anos.   De fato, para muitas mulheres, a acne nem mesmo começa até os seus 20, 30, 40 anos ou mesmo na menopausa.   Para mim, eu tinha um pouco de acne na minha adolescência, embora não tenha se tornado insuportável até que eu tinha cerca de 22 mais ou menos.   O que se passa? Por que tantas mulheres têm acne mais tarde na vida? Por que as mulheres sofrem de acne em quase o dobro da taxa dos homens?A resposta é hormônios. É sempre hormônios.   Felizmente, eu fiz bastante pesquisa, experimentei o suficiente em mim mesma, e trabalhei com clientes suficientes para descobrir exatamente de onde acne vem e o que fazer sobre isso.   Aqui está tudo que você precisa saber.  

A acne – incluindo o tipo cística – vem de muitas fontes diferentes. Dermatologistas querem fazer crer que a acne é causada por bactérias que crescem nos poros de sua pele. Isso é um pouco verdadeiro – as bactérias desempenham sim, um papel.

Acne Cística e Hormônios: As muitas Causas da Acne

No entanto, esta é uma compreensão muito limitada dos processos que causam acne. Toda pessoa no mundo tem bactérias em toda a sua pele. No entanto, algumas pessoas desenvolvem acne e outras não.  

Como podemos explicar essa diferença?   Não é simplesmente por causa da genética.  

A acne é causada por muitos fatores internos diferentes. Você pode pensar neles como um gatilho em cima da genética: genes predispõem à acne, mas você só tem acne se você “puxar o gatilho” com o sinal certo.  

Por exemplo: você pode ter um conjunto de genes que codifica para hipersensibilidade à inflamação na pele, no entanto, esse gene não tem que fazer você sofrer de acne. Ele só vai fazer você sofrer de acne se o seu corpo está inflamado.  

Genes são importantes – e as bactérias também são importantes – ainda que esses fatores exijam desencadeamento pela saúde interna do seu corpo. Se o seu corpo é 100% saudável (e, claro, nenhum dos nossos é), você não vai ter acne, nunca.  

Se você tem alguma condição de saúde subjacente, é bem possível que isso esteja causando a acne.  

A acne é causada pela intersecção de muitos fatores internos diferentes, alguns dos quais podem afetá-la mais fortemente do que outros: Por exemplo, é causada pela inflamação nos poros da pele, que muitas vezes é o resultado de inflamação sistêmica no corpo. Isto é importante para a acne. Você não seria capaz de inflamar um cisto sem inflamação.  

Acne também é causada pelo estado nutricional ruim, uma vez que vitaminas como A, D e K são fundamentais para a manutenção da saúde das membranas celulares da pele e poros.   

Reabastecer o estoque dessas vitaminas – fazendo coisas como comer fígado ou tomar cápsulas de fígado em pó e/ou tomar uma vitamina A, D e K, suplemento de óleo de fígado de bacalhau – pode ser um longo caminho para curar muitos problemas de pele, incluindo acne cística.  

Finalmente, a acne é causada por hormônios. Os hormônios desempenham um papel crítico na produção de óleo na pele. Alguns hormônios – em particular os hormônios sexuais masculinos como a testosterona – causam mais produção de óleo. Alguns hormônios – como o estrogênio – causam menos.  

Os hormônios são, muitas vezes, o fator chave para determinar se uma mulher sofre de acne. E um desequilíbrio, em todos os casos, vai deixar a acne cística maior, mais permanente e mais dolorosa.  

Acne Cística e Hormônios: Desequilíbrio Hormonal

Existem dois hormônios principais que causam acne cística: testosterona e DHEA-S.  

A testosterona é um hormônio sexual masculino que ainda é produzido por corpos femininos saudáveis, ​​em pequenas quantidades. Os níveis de testosterona podem tornar-se insalubremente elevados, no entanto. Isto acontece mais comumente como resultado da resistência à insulina. (Insulina – a molécula que é responsável por armazenar o açúcar do sangue sob forma de gordura – pode se tornar insalubremente elevada no sangue, quando existe um problema com a saúde do intestino e/ou inflamação).  

Quando a insulina está alta, os ovários produzem excesso de testosterona.   Isso causa muitos problemas – incluindo a condição de fertilidade Síndrome do Ovário Policístico – e acne cística é, definitivamente, um deles.    

  1. Embora a resistência à insulina seja a causa mais comum de níveis elevados de testosterona, existem muitas mais. Por um lado, os níveis de testosterona podem subir como resultado do stress. 
  2. Podem elevar-se como um resultado dos níveis de DHEA-S elevados. 
  3. Podem subir porque os níveis de estrogênio estão baixos e o estrogênio funciona como um equilíbrio para testosterona. 
  4. Finalmente, os níveis de testosterona também pode subir como resultado do exercício e jejum

DHEA-S é outro hormônio que atua como hormônio sexual masculino no corpo e que estimula a produção de óleo. Ele é diferente da testosterona, no entanto, porque não é produzido nos ovários. É produzido pelas glândulas supra-renais (“glândulas do estresse”).  

Quando você está estressada, os níveis de DHEA-S sobem.Este é um problema para muitas mulheres com SOP, uma vez que exacerba os sintomas como acne cística. É, comumente, um problema para as mulheres com amenorreia hipotalâmica, também, já que as mulheres com AH já estão com muito estresse em seus corpos. Você pode descobrir se você tem AH aqui.  

Este é um problema ainda maior para as mulheres que podem ter tanto amenorréia hipotalâmica e SOP (como eu tive – leia sobre como isso é possível e o que fazer sobre isso aqui).  

Depois, há mais um hormônio que provoca acne, embora não tanto quanto a testosterona e DHEA-S. É a progesterona.  

A progesterona não aumenta a produção de óleo na pele, por isso não é tão cística como a testosterona e DHEA-S são. Mas ela bloqueia a atividade do estrogênio na pele. O estrogênio é protetor para a pele, de modo que muitas mulheres que têm níveis elevados de progesterona – muitas vezes como resultado da pílula ou do DIU progesterona – sofrem de aumento de acne.   

Você pode aprender mais sobre as opções de controle de natalidade e como gerenciar seus efeitos na saúde aqui.  

Por último, o estrogênio cura a pele. Ele reduz a produção de óleo e acalma a inflamação nos poros.   

Ele é um ótimo hormônio para ajudar a acalmar a acne hormonal, cística.   No entanto, se os níveis de testosterona ou níveis de DHEA-S estão muito altos, nem mesmo estrogênio elevado será o suficiente para conter os seus efeitos.

Acne Cística e hormônios: a produção de óleo na pele

Existem três camadas separadas na pele e os poros atravessam todas elas. De modo a proteger adequadamente o seu corpo e manter as toxinas no exterior, a camada externa da pele tem de ser hidratada e forte.  

A fim de manter a camada exterior hidratada e forte, os poros entregam óleo a ela de baixo para cima. Na pele saudável, o óleo surge através dos poros e escorre sobre a superfície, lubrificando a pele e fazendo com que pareça macia e brilhante. Pense nisso como um poço, uma fonte quente, ou uma plataforma de petróleo.  

Numa pele propensa à acne, detritos da superfície obstruem os poros, bactérias obstruem os poros e óleo vindo do fundo obstrui os poros. Então todo esse óleo oxida e as bactérias ficam em frenesi alimentar – o que faz com que os poros se tornem infectados e inflamados. Esta é a acne. Quando há uma quantidade excessiva de óleo e uma infecção maior, mais profunda, esta é a acne cística.  

Acne cística é uma pequena espinha normal, só que em escala enorme.  

Ela acontece muitas vezes quando a inflamação está particularmente feia – ou quando uma infecção está particularmente ruim – ou, como é o caso com tantas mulheres, quando o desequilíbrio hormonal que provoca a produção de óleo é particularmente ruim.  

Quando a produção de óleo é muito alta, torna-se fácil para os poros ficarem obstruídos e para que haja uma grande quantidade de material preso lá nos poros para doer, ficar infectado e implorar para sair.  

Então a acne cística pode surgir como resultado de muitos fatores – e, de fato, mais provável é um resultado de muitos fatores – mas a causa mais comum para as mulheres é o desequilíbrio hormonal.  

Acne cística e Hormônios: Como saber se a sua acne é de fundo hormonal ou não

Enquanto isso é uma questão muito complicada, que merece uma resposta diferenciada, há alguns indicadores óbvios que podem direcionar sua investigação ao desequilíbrio hormonal:    

  • Os cistos estão localizados ao redor da boca, queixo e mandíbula. Este é o lugar onde a maioria, ou pelo menos as piores acnes por desequilíbrio hormonal ocorrem, porque é onde a pele tem a maioria dos receptores hormonais.
  • Os ombros, nádegas e coxas também têm uma preponderância de receptores hormonais, por isso este é um outro lugar para procurar acne cística, hormonal.
  • A pele oleosa é o resultado do desequilíbrio hormonal também. Se você tem um monte de óleo em sua pele, pode apontar para desequilíbrio hormonal.
  • Outros sintomas deste tipo de desequilíbrio hormonal incluem o crescimento de cabelo com padrão masculino como pelo facial, queda de cabelo de padrão masculino como calvície, aumento da irritabilidade, baixa libido e talvez até ciclos menstruais irregulares. Se você sofre de algum destes sintomas, há uma chance muito boa de seus cistos serem hormonais.

Se você sofre com esses sintomas, também há uma boa chance de você sofrer da condição hormonal Síndrome do Ovário Policístico, o que pode lhe deixar infértil. Acontece que eu sou um pouco especialista em SOP – você pode ler essa introdução à SOP para aprender mais sobre ela e obter ainda mais links para posts do blog.

Acne cística e Hormônios: o que fazer a respeito

Você tem acne cística, e está relacionada com hormônios?  

Se você suspeitar que sua acne cística está relacionada hormonalmente (e quase certamente está, até certo ponto), eu recomendo que antes de tudo você faça muitos testes tanto quanto possível.  

Faça exames de sangue – você pode testar sua testosterona, DHEA-S, progesterona, estrogênio, LH, FSH e hormônios tireoidianos T3, T4, TSH e para ter uma boa idéia do que está acontecendo em seu corpo hormonalmente.

Você também pode verificar um post que eu escrevi chamado Opções de tratamento de SOP.   Você também pode descobrir que você não tem SOP, mas que você ainda precisa corrigir seus problemas de insulina, seus problemas de estresse, ou seus problemas de amenorreia hipotalâmica. Você pode ler mais sobre o estresse e hormônios aqui, e sobre a superação da amenorreia hipotalâmica aqui.  

Acima de tudo, eu te direciono para este post aqui: O Plano Final de Tratamento Hormonal da Acne, que é meu melhor artigo sobre todas as coisas da superação da acne hormonal de forma permanente.  

Agora, se você não tiver qualquer um dos indicadores que listei acima, mas ainda tem acne cística, você pode ser ajudada por tratamentos hormonais. Eu recomendo mais leitura sobre a acne hormonal, fazer alguns testes e experimentar em si mesma para ver se os hormônios podem ser um fator.   Você pode ler mais sobre a acne hormonal, causas e tratamento neste post: Acne Hormonal: De onde está vindo e que fazer. Ou neste: O Plano Final de Tratamento Hormonal da Acne.  

Também será importante para você – acne cística ou não – aprender sobre as causas da acne além de hormônios. Você vai querer considerar protocolos de cura do intestino, sensibilidades alimentares e inflamação, que são todas as outras causas subjacentes importantes da acne cística.   Você pode ler tudo sobre as causas não-hormonais da acne neste livro incrível, escrito pelo mais confiável especialista em acne, Seppo Puusa.  

O Seppo é a única pessoa que eu já conheci quem sabe mais sobre a acne e como superá-la permanentemente, do que eu.   

Você pode ler tudo sobre – que é o melhor e mais atualizado na pesquisa atual que existe – em seu site ZeroAcne. Cuidado para não se perder na informação lá por horas – eu me perdi muitas vezes.

Artigo de Stefani Ruper, traduzido por Juliana Whately. O original está aqui.

Recomendado para você: