7 razões para não ter dias do lixo ou dar ‘escapulidas’

68
Avalie essa postagem

Artigo traduzido por Hilton Sousa. O original está aqui.

Muitos planos de dieta por aí abordam as refeições “de escape” ou dias do lixo como tendo benefícios importantes.
Eles supostamente impedem que você sinta-se privado, aumentam o metabolismo, aumentam as chances de sucesso com a dieta, etc.
Bem, eu não concordo.
Não tenho nada contra “refeeds” ocasionais – comer mais carboidratos ou mais calorias que o normal, de vez em quando.
Você pode chamar esses refeeds de “jacadas saudáveis” – eles são inteiramente ok, e podem até te fazer bem.
Mas afirmar que há algo de benéfico em se entupir de alimentos extremamente nocivos, cheios de açúcar, trigo refinado ou gorduras trans, simplesmente não faz sentido para mim.
Cada um faz o que quiser com o próprio corpo, mas eu pensei em te dar algumas razões pelas quais ter um dia do lixo ou uma refeição lixenta pode não ser a melhor idéia.

1 – O seu corpo não vai adaptar-se inteiramente à dieta saudável

Quando você muda drasticamente a maneira como come, um certo processo de adaptação precisa entrar em ação.
Por exemplo, se você está fazendo uma dieta low-carb cetogênica, então seu corpo precisa alterar certos hormônios e elevar a produção das enzimas que fazem uso da gordura como fonte primária de energia.
Se você continua jacando, vai impedir que essa adaptação metabólica complete-se.
Além disso, quando você abandona a dieta ocidental padrão e começa a comer mais comida de verdade, pode levar algum tempo até que o sentido do paladar se adapte.
Se você já praticou dieta paleo por período longo de tempo sem escapulir, pode ter sentido isso. Com o tempo, a comida de verdade passa a ter gosto muito melhor.
Se você sai da linah e come comida-lixo frequentemente, suas sensações de paladar não vão adaptar-se completamente e você não será capaz de ter a mesma satisfação com a comida de verdade.

2 – Se você se entope de comida-lixo, isso pode afetar o vício

Eu pessoalmente creio que as comidas-lixo sejam viciantes.
Este problemaparece ser comum e pessoas que tem problemas com compulsões e comilança compulsiva provavelmente deveriam abster-se destas comidas tanto quanto possível.
Se você continua experimentando algo no qual é viciado, isso simplesmente mantém o vício em movimento. Neste caso, comer “tudo com moderação” não é uma boa idéia – porque será quase impossível de manter.
Se você tem compulsões por comida-lixo o tempo inteiro e continua cedendo a elas, isso vai simplesmente fazer com que a compulsão fique ainda mais forte. Evite estas comidas completamente e as compulsões vão diminuir ao longo do tempo,
Abstinência é a única coisa que funciona para o vício. Ponto.

3 – Você pode descontrolar-se e comer demais

Algumas pessoas (eu me incluo aqui) pode se entupir de comida como se não houvesse amanhã, e arruinar uma semana de dieta em uma sentada.
Eu posso ser o caso atípico, mas após uma comilança em particular eu calculei as calorias – e acabou que tinha comido 5000 calorias de uma vez.
Isso representa dois dias inteiros de calorias para um homem adulto, e uma (ou duas) semanas de dieta completamente arruinados.

4 – Você pode sentir-se culpado(a) depois

Já sentiu-se inchado, culpado e deprimido depois de comer comida-lixo ?
Isso é bem comum, na prática. Eu costumava ficar assim o tempo inteiro.
A refeição-lixo pode te dar algum prazer enquanto você come, mas é garantido que não vai te fazer sentir-se bem depois.

5 – Escapulir não “aumenta o metabolismo” ou “evita entrar em modo de economia”

O conceito de “modo de economia” é em grande parte um mito sem ciência real que o suporte, e não acontece de verdade até que você chegue a um percentual de gordura extremamente baixo.
Se você é fisiculturista em processo de “cortar” para uma competição, então os refeeds provavelmente vão te ajudar a evitar os efeitos de ficar em dieta por muito tempo. Mas mesmo nesse caso, escolher comidas saudáveis é uma idéia melhor ainda.
Entretanto, a maioria das pessoas não está em preparação para concursos de fisiculturismo ou fitness, e não precisa de tomar ações drásticas para acelerar o metabolismo ou evitar o modo de economia, o que quer que isso signifique.
Para pessoas saudáveis tentando permanecer saudáveis ou perder um pouco de peso, refeições-lixo são desnecessárias no melhor caso e podem ser prejudiciais.
Se você está preocupado sobre a sua taxa metabólica baixar durante um período de perda de peso, vá puxar ferro. Já foi provado que isso mantém tanto a sua taxa metabólica quanto a sua massa muscular.

6 – Comida-lixo é ruim para você

Comida-lixo é ruim para você, e provavelmente essa é a razão pela qual você a abandonou, em primeiro lugar.
Comer um McDonald’s ou uma pizza com um pouco de sorvete uma vez por semana pode não parecer grande coisa, comparado a gente que come esse tipo de porcaria todo dia.
Mas comer lixo uma vez por semana ainda é claramente pior do que nunca comer.

7 – Aqueles ingredientes esquisitos nunca vão sair completamente do seu corpo

Gorduras trans, óleos de grãos e glúten… Ingredientes nojentos permanecem no corpo e leva um longo tempo para recuperar-se completamente dos seus efeitos.
Se você continuar comendo-os, eles nunca sairão completamente do seu organismo.

Recomendado para você: