A semana de jejum do Hugo: Fechamento

Esse artigo é parte do experimento do Hugo Casarin, que decidiu ficar 5 dias em jejum, malhando crossfit todos os dias.



Faaaala meu grandes amigos paleolíticos!

Peço desculpas pela demora desse post, mas problemas pessoais interferiram nas minhas vontades. Vamos lá!!!

Primeiro vou falar sobre o meu treino, que ficou faltando no post passado:

  • Power Snatch + Snatch + Snatch Balance + Overhead Squat com 185 libras por 6 sets
  • Power Clean + Clean + Power Jerk + Jerk com 245 por 6 sets (nas últimas séries eu via tudo preto e ia voltando aos poucos)
  • 5 km de remo, conversation pace. Bem tranquilo, mas foi bem mais difícil do que tô acostumado.
  • 4 Rounds
    • Run
    • 1000m rest :60
    • 400m rest :90
    • 200m rest 2:00
  • 10-1
    • Bench (225/155)
    • Strict Pull ups with vest 22 pounds

O engraçado foi que nesse WOD – que seria um peso considerado confortável – eu estava morrendo quando fazia as repetições, parecia que o músculo não se recuperava um inferno 

  • 8 min as many reps as possible
    • Clean and jerk a 225 libras
  • E para terminar fiquei 40 min me alongando, o treino foi demolidooor!

As considerações finais galera: o momento tãããão esperado!!

O primeiro dia foi super tranquilo – aliás já estava acostumado com a WD. Já no segundo o que ficou mais chato foi a dor de cabeça, estava sempre lá, assim como no terceiro, mas logo depois melhorou e não tive dificuldades maiores. No quarto dia, senti meu corpo estranho. Fiquei na dúvida sobre o que seria – sono, tempo de recuperação ou falta de comida – e pelo que percebi, acho que a causa acho foi um treino muito intenso. Acho que pode ter diminuído meus corpos cetônicos, talvez não estivessem a postos, pois no quinto dia me senti super bem, muito bem disposto!! 

Se faria de novo? LÓGICO! Nunca me senti tão vivo, talvez treinasse um pouco menos para ter energia cortante todos os dias. Até conversei com o Hilton sobre fazer jejuns semanais de 48h, de tão bem que me senti!

Esse experimento mostra como nosso corpo consegue se moldar a tudo! Ficar em jejum todo mundo consegue, agora treinar essa quantidade de coisas com vários estímulos? Sim, nosso corpo é uma máquina perfeita! Fiquei impressionado!

Tão perfeita que ficou apagada no sábado. Eu não tinha hora para acordar, então sabe que horas levantei?! Às 13:30h!!!! Isso nunca tinha acontecido dessa forma, estou acostumado a levantar às 05h30 – e tinha ido dormir no máximo meia-noite. Sim meu corpo precisava descansar do estresse! E o dia todo estava meio morgado, molenga, e com diarréia leve.

O que eu comi?

TUDO que tinha pela frente. Hahahah.

Não consegui comer muito, mas comi ovo, bacon carne com muita gordura, e todos os legumes e vegetais que encontrei: abóbora, beterraba, couve, brócolis, batata-baroa e um pouco de arroz e feijão, que tava com saudade!

Agora algo que queria poder entender, e peço ajuda dos amigos leitores. Comecei o experimento e perdi apenas 1 kg total!! Mas como assim? Se qualquer um ficar 5 dias sem comer vai perder mais peso que isso! Será que estava ganhando massa muscular sem comer pela alta quantidade de testosterona, Gh, adrenalina?? Será que teria aminoácidos suficientes na corrente sanguínea para tal?? 

A resposta foi SIM!!

Não foi com biopedância – que seria o ideal – mas foi com adipômetro, e realmente sai de 10.38% de gordura para 8.73%!!! E ganhei medidas! Apenas na perna perdi 2cm, mas era também onde acumulava muita gordura corporal!

Satisfeito?! MUITO!! E eu adoro testar meu corpo, então se tiverem algum teste cabível posso relatar aqui.

Qualquer dúvida, respondo nos comentários!!

01/11/2015
96.6kg
10.38% de gordura
06/11/2015
95.6kg
8.73% de gordura


Recomendado para você

Thanks for your comment

Sobre o autor

Mineiro de Teófilo Otoni, morador de Belo Horizonte. Gosto muito de comer, e depois de alguns anos chafurdando na comilança de bobagens, decidi tomar tento e passar a comer comida de verdade. Descobri o modo de alimentação paleo/LCHF em meados de 2010, mas só comecei a por em prática em fevereiro/2013.

Hoje, sou mais feliz - e os exames de laboratório estão TODOS melhores :-D

Acompanhe minha trajetória em fotos aqui.

Aviso!

Este blog é composto por minhas opiniões pessoais, baseadas em auto-experimentação com dieta paleo, e também por artigos traduzidos - estes produzidos por estudiosos do assunto. As opiniões expressas aqui, minhas ou de outros autores, não podem substituir as de seu médico. O que funciona bem para mim, pode não funcionar para outras pessoas. Se você escolher seguir alguma das opiniões aqui publicadas, faça-o com o conhecimento do seu médico!

Visualizações

Seguidores