Diabetes tipo 3

5
Avalie essa postagem

Artigo traduzido por Hilton Sousa. O original está aqui.

Diabetes tipo 3 é um título que tem sido proposto para a Doença de Alzheimer que resulta da resistência à insulina no cérebro.
Estudos conduzidos pelo time de pesquisa da Escola Médica da Universidade Brown identificaram a possibilidade de uma nova forma de diabetes, após descobrir que a insulina é produzida pelo cérebro, tanto quanto pelo pâncreas.
A pesquisadora-chefe, Dra. Suzanne de la Monte, conduziu mais um estudo em 2012 para o Hospital de Rhode Island, para investigar a ligação.
Os pesquisadores apontam a resistência à insulina e o fator de crescimento similar à insulina (IGF-1) como sendo partes-chave da progressão da doença de Alzheimer. [61]
Enquanto as diabetes tipo 1 e tipo 2 são caracterizados pela hiperglicemia (açúcar no sangue aumentado), um estudo separado, conduzido pela Universidade da Pennsylvania e publicado em 2012, excluiu pessoas com histórico de diabetes, indicando que o Alzheimer pdoe se desenvolver no cérebro sem a presença significativa de hiperglicemia .[62]

Risco aumentado de Alzheimer

Estima-se que pessoas que tem resistência à insulina, em particular aquelas com diabetes tipo 2, tem o risco de sofrer de Alzheimer’s aumentado entre 50% e 65%.
Pesquisadores da escola médica descobriram que muitos diabéticos tipo 2 tem depósitos de uma proteína chamada beta amilóide em seu pâncreas, que é similar aos depósitos de proteína encontrados no tecido cerebral de pacientes com Alzheimer.

Recomendado para você: