A curva de carboidratos do Primal Blueprint

Traduzido/adaptado por Hilton Sousa. O artigo original está aqui.

E então, o que vai ser ? O "Ponto Ideal" ou a "Zona de Perigo" ?

Clique para ampliar

A ingesta de carboidratos é frequentemente o fator decisivo no sucesso da perda de peso e na prevenção de problemas de saúde comuns como Síndrome Metabólica, obesidade e diabetes tipo II. Essas ingestas médias diárias assumem que você está consumindo proteínas e gorduras saudáveis suficientes, e praticando alguma quantidade de exercícios primais. Os intervalos de cada zona consideram diferenças metabólicas individuais.

  • 0-50 gramas por dia: zona de cetose e JI (Jejum Intermitente). Excelente catalizador para perda rápida de gordura através de JI. Não é recomendada por períodos prolongados (exceto se sob supervisão médica, para obesos ou diabéticos tipo II) devido à privação desnecessária de alimentos de origem vegetal.
  • 50-100 gramas por dia: ponto ideal para perda de peso. Queda constante do excesso de gordura corporal pela minimização da produção de insulina. Permite a perda de 1/2 a 1kg de gordura por semana com refeições saciantes e minimamente restritivas.
  • 100-150 gramas por dia: zona de manutenção primal. Uma vez que você tenha chegado à sua meta ou à sua composição corporal ideal, você pode mantê-la facilmente enquanto desfruta de vegetais, frutas e outras comidas primais em abundância.
  • 150-300 gramas por dia: zona de ganho de peso insidioso. A maioria das pessoas "conscientes" e dos dietistas fracassados acaba aqui, devido à ingesta frequente de açúcar e produtos feitos de grãos (pães, massas, cereais, arroz, batatas e mesmo grãos integrais). Apesar de tentarem "fazer a coisa certa" (minimizar as gorduras, cortar calorias), as pessoas ainda podem ganhar cerca de 700g de gordura por ano durante décadas.
  • 300+ gramas por dia: Zona de Perigo da dieta americana padrão. Todas as pessoas, excetuando-se as que se exercitam ao extremo, vão tender a produzir insulina excessivamente e armazenar gordura ao longo dos anos, nesse nível de ingesta. Risco de obesidade aumentado, bem como de Síndrome Metabólica e diabetes tipo II.

Recomendado para você

6 comentários

Click here for comentários
30 de novembro de 2014 13:22 ×

Caro Hilton:
Já vi o Dr. Jose Souto usar este gráfico na palestra "Uma Perspectiva Ancestral" em Natal. Gosto dele por que dá valores concreto para quem esta tentando fazer uma dieta low carb/paleo.
Gostaria de lhe perguntar se os valores deste gráfico não poderia ser usado como referência para o consumo de gorduras na alimentação. Por exemplo 50 g de carbs corresponderia a 500 g de gordura, 100 a 450 e 150 a 400.
Ou se para o consumo de gordura haveria algum índice, como por exemplo uma porcentagem sobre o peso corporal ou IMC. Por que desta forma a pessoa saberia que no dia teria uma quantidade x de gordura para consumir e dividiria entre algumas colheres de banha de porco + meio copo de azeite + meio copo de óleo de coco ou MCT.
Obrigado
Ronaldo
Colombo - Paraná

Reply
avatar
Teimosia
admin
30 de novembro de 2014 13:29 ×

Olá, Ronaldo

A ingestão de carboidratos dada pela curva é uma regra genérica... A tolerância de cada pessoa é diferente, na prática. Dê uma lida nos artigos abaixo:

http://www.paleodiario.com/2014/01/quanto-de-carboidrato-voce-deveria.html
http://www.paleodiario.com/2014/11/voce-e-mais-low-carb-do-que-imagina.html

Reply
avatar
17 de dezembro de 2014 13:07 ×

Ronaldo, se vc tiver sua insulina controlada (ingestão muito baixa de carbos) vc não precisa se preocupar com a quantidade de gordura que ingere. pode comer até se sentir saciado que seguramente não engordará e não te fará mal.

Reply
avatar
25 de janeiro de 2015 22:24 ×

Olá!! Estou na dieta cetogênica há 40 dias, nessas 02 últimas semana deu uma estabilizada o peso na balança, você tem alguma dica? Obrigada

Reply
avatar
Teimosia
admin
26 de janeiro de 2015 11:06 ×

Você já leu a seção "Perda de peso para mulheres" ? Talvez cortar carboidratos DEMAIS esteja travando o seu peso...

Reply
avatar
26 de janeiro de 2015 12:17 ×

Muito obrigada!!! Vou dar uma lida!!!

Reply
avatar
Thanks for your comment

Sobre o autor

Mineiro de Teófilo Otoni, morador de Belo Horizonte. Gosto muito de comer, e depois de alguns anos chafurdando na comilança de bobagens, decidi tomar tento e passar a comer comida de verdade. Descobri o modo de alimentação paleo/LCHF em meados de 2010, mas só comecei a por em prática em fevereiro/2013.

Hoje, sou mais feliz - e os exames de laboratório estão TODOS melhores :-D

Acompanhe minha trajetória em fotos aqui.

Aviso!

Este blog é composto por minhas opiniões pessoais, baseadas em auto-experimentação com dieta paleo, e também por artigos traduzidos - estes produzidos por estudiosos do assunto. As opiniões expressas aqui, minhas ou de outros autores, não podem substituir as de seu médico. O que funciona bem para mim, pode não funcionar para outras pessoas. Se você escolher seguir alguma das opiniões aqui publicadas, faça-o com o conhecimento do seu médico!

Visualizações

Seguidores