7 fatos sobre o jejum

100
Eu gostaria de fazer uma revisão básica com você, só para garantir que não se perca na complexidade da informação sobre perda de peso e dieta.
Vamos repassar o que sabemos com certeza:
  • Fato: Perdemos peso todo dia
  • Fato: A maior parte da perda de peso corporal que não seja água é feita através da sua expiração
  • Fato: A habilidade do seu corpo de liberar a gordura armazenada é controlada pelas ações da lipase de triglicerídeos de tecido adiposo, lipase hormônio sensível e lipase de monoglicerídeos, todas as quais aumentam durante o jejum
  • Fato: A gordura sendo liberada durante o jejum é então quebrada (usada como combustível) e o resultado final dessa quebra é a produção de CO2
  • Fato: À medida que você jejua, a quantidade de carbono que você exala e que era originalmente parte da gordura corporal, continua a aumentar.
  • Fato: Quanto mais gordura disponível para ser usada como combustível, menos proteína é usada como combustível.
  • Fato: Ainda que pequenas perdas de proteína aconteçam durante um jejum, apenas cerca de 1/3 dessas vem dos músculos
Então jejuar é uma maneira fácil e eficiente de saber que você está aumentando a quantidade de peso perdido a partir de gordura; e se você está aumentando a quantidade de peso que perde a partir da gordura, isso significa que você está diminuindo a quantidade de peso perdida a partir de proteína ou carboidrato (glicogênio).
Veja bem, jejuar não é a única maneira de fazer tais coisas, mas é a mais direta e com a menor quantidade de “chutes”. Jejuando você não precisa se perguntar se está perdendo peso (você está!) e não tem que torcer para estar perdendo peso a partir da gordura (você também está!).
Menos complicações 😉
E que tal um protocolo envolvendo jejum intermitente e ciclagem de carbos para queimar gordura, ganhar massa magra e te deixar sarado ?

Artigo de Brad Pilon, traduzido por Hilton Sousa.

Recomendado para você: