Não consigo emagrecer! O que fazer? Parte 4 de 6

Quarto guest post de uma série fenomenal do Glauber Silva, do blog Obeso Emagrece.

não consigo emagrecer parte 4 de 6: exercícios - imagem de uma fita métrica, uma balança e uma mulher jogada (com preguiça) em cima de uma bicicleta ergométrica  

Muitas das pessoas que resolvem iniciar um processo de emagrecimento definitivo acabam apostando tanto em uma alimentação saudável como também em uma rotina de exercícios. O grande problema é que muitas dessas pessoas tendem a focar muito na quantidade e esquecem da qualidade. E isso vale tanto pra alimentação como também para os exercícios... Sim! É verdade que os exercícios têm a sua importância, pois eles realmente podem melhorar a nossa saúde e otimizar o nosso emagrecimento de alguma forma. E se engana quem pensa que é preciso ter muito tempo ou dinheiro sobrando para se exercitar. Inclusive eu gravei uma vídeo-aula para falar exatamente sobre isso! Caso tenha interesse em assisti-la, clique no link abaixo: 


 Mas existe um certo exagero e distorção em relação a prática de exercícios físicos durante um processo de emagrecimento definitivo. Então fique ligado nas próximas linhas para entender melhor como você pode evitar ser mais uma vítima desse problema! ;-)

1 - Não consigo emagrecer mesmo me exercitando muito

Se você liga a TV, acessa a internet ou lê o jornal, não tem jeito! Sempre terá uma notícia falando sobre a importância das atividades físicas e todos os benefícios que você pode colher ao se exercitar...  
Todo dia algum especialista vai até a mídia falar sobre exercícios específicos para perder barriga ou outros tipos de atividade física que promovam saúde e até mesmo lazer aos seus praticantes. Com isso, logo as pessoas começam a procurar mais academias, parques, esportes e tantas outras alternativas que ofereçam diferentes formas de se exercitar. E isso é muito bom! O problema é que GERALMENTE a seguinte lógica de pensamento é formada na cabeça dessas pessoas:
SE atividade física é uma coisa boa para saúde e para o emagrecimento. ENTÃO, quanto mais eu me exercitar melhor!
Esse pensamento SIM é um problema, pois os exercícios são realmente importantes, mas como diria o ditado popular:
Tudo que é demais, sobra.
Entretanto, com todo esse foco dado aos exercícios pela mídia, fica fácil para as pessoas superestimarem a importância deles para o processo de emagrecimento definitivo e sustentável a longo prazo. Sendo assim, fica mais simples de entender porque sempre aparece alguém desesperado, em grupos de dietas e afins, dizendo algo parecido com isso:
Não consigo emagrecer nem mesmo me exercitando muito! Faço 2 horas inteiras de esteira todos os dias e ainda assim não consigo emagrecer. O que estou fazendo de errado?
Se você se identifica com a situação acima, o que eu posso dizer é que a primeira coisa que você está fazendo de errado é acreditar cegamente no que o senso comum diz, mas como isso não explica muita coisa, vamos para o próximo tópico...

2 - Será que você realmente deveria se exercitar muito?

Lembre-se que nós estamos falando de um estilo de vida saudável e sustentável a longo prazo. Então pense bem... Se você consegue ter bons resultados com uma rotina de treinos e alimentação, mas depois volta a comer como antes. O que você acha que vai acontecer? Você voltará a engordar tudo de novo é claro! Isso pode parecer óbvio para muitas pessoas, mas para outras nem tanto. Sendo assim, internalize a seguinte ideia:
É preciso escolher uma forma de se alimentar e de se exercitar que possa ser seguida para o resto da vida!
Agora pare e pense:
  • Será que correr na esteira por 2 horas, todos os por dia, é algo sustentável a longo prazo?
  • Será que você conseguiria seguir uma rotina pesada como essa para o resto da sua vida?
  • Será que o excesso de exercícios poderia mais atrapalhar do que ajudar?
Essas são perguntas importantes! Pois quando falamos de um estilo de vida saudável, estamos falando também de emagrecimento sustentável a longo prazo. E talvez se exercitar muito não seja a melhor estratégia a ser seguida. Saiba que existem vários tipos de exercícios físicos e você pode escolher aqueles que se encaixam na sua vida de forma mais natural, ao invés de escolher algo que seja chato, cansativo e desmotivante - só porque alguém, um dia, disse que seria bom para você. É preciso parar de se preocupar com as quantidades e focar mais em qualidade...

3 - Pare de se preocupar com a quantidade de exercícios. Menos é mais!

Para emagrecer não é preciso fechar a boca e fazer mais exercícios, mas sim controlar os seus hormônios. Sendo assim, os exercícios (e low carb) devem ser encarados como uma forma de melhorar o seu quadro hormonal. 

Como assim? Acontece que através de exercícios corretos, como a musculação por exemplo, é possível melhorar a nossa capacidade de queimar gordura. Para tanto NÃO é necessário que você faça muitos exercícios, mas é fundamental que você se exercite corretamente. E caso você esteja se perguntando: sim, a musculação, quando executada corretamente, AJUDA a emagrecer sim

Se você for mulher não precisa ficar preocupada achando que vai ficar musculosa igual a um homem.

Pois isso não acontece sem o uso de certos artifícios. Outra forma eficiente e bem popular de se exercitar é através dos exercícios intervalados de alta intensidade, conhecidos também como HIIT. Mas executar essa modalidade CORRETAMENTE exige muito do praticante e talvez essa não seja a melhor opção para iniciantes. 

Sendo assim, saiba avaliar seu nível e capacidade atual, pesquise mais sobre essas modalidades e coloque a mão na massa! Mas esqueça essa ideia de "quanto mais melhor" e lembre-se que esses exercícios nem precisam (e nem deveriam) ser executados todos os dias.

E se você quiser aprender mais sobre exercícios e os benefícios desses tipos de treino (HIIT e musculação) durante o processo de emagrecimento definitivo, baixe GRÁTIS o eBook MCL5 - Mente & Corpo Leve em 5 Etapas! 

Trata-se de um livro digital, escrito por mim, e lá eu explico vários mitos relacionados a prática de atividade física e também apresento como alguns tipos de exercícios podem impactar positivamente os hormônios responsáveis pelo emagrecimento.

Lembrando que eu não sei até quando esse livro ficará disponível para todos de forma gratuita...

Portanto, aproveite enquanto ainda dá tempo e garanta a sua cópia GRÁTIS agora mesmo! ;-)

Um forte abraço e até o próximo artigo. 

Glauber 

Recomendado para você

Thanks for your comment

Sobre o autor

Mineiro de Teófilo Otoni, morador de Belo Horizonte. Gosto muito de comer, e depois de alguns anos chafurdando na comilança de bobagens, decidi tomar tento e passar a comer comida de verdade. Descobri o modo de alimentação paleo/LCHF em meados de 2010, mas só comecei a por em prática em fevereiro/2013.

Hoje, sou mais feliz - e os exames de laboratório estão TODOS melhores :-D

Acompanhe minha trajetória em fotos aqui.

Aviso!

Este blog é composto por minhas opiniões pessoais, baseadas em auto-experimentação com dieta paleo, e também por artigos traduzidos - estes produzidos por estudiosos do assunto. As opiniões expressas aqui, minhas ou de outros autores, não podem substituir as de seu médico. O que funciona bem para mim, pode não funcionar para outras pessoas. Se você escolher seguir alguma das opiniões aqui publicadas, faça-o com o conhecimento do seu médico!

Visualizações

Seguidores