Feliz aniversário!


Hoje, 28 de fevereiro de 2015, completo 2 anos de prática de dieta paleo. Posso dizer que, como uma criança, já aprendi a andar e embora ainda tropece, o prumo está cada vez mais firme.

1 ano atrás eu comemorei uma série de vantagens de saúde. Todas continuam se mantendo: continuo mantendo o peso (queria ter ganhado mais massa magra, mas com a faculdade está difícil arranjar tempo para malhar), meus exames continuam bacanas, as unhas e cotovelos continuam sem rachar e o cabelo está ainda mais forte (e crescendo :-).

Como passei a andar somente usando huaraches, meus pés estão mais cascudos e calejados – mas é um preço pequeno a se pagar: minhas dores na sola do pé desapareceram completamente. Nos últimos 4 meses, consigo contar nos dedos das mãos as ocasiões em que usei sapato fechado. Isso deve mudar um pouco em breve, porque é proibido entrar nos laboratórios da faculdade sem sapato que cubra o peito do pé.

Minha rotina de malhação estava bacana até eu tentar a fatídica escalada em meados de janeiro. No dia foi tudo às mil-maravilhas, mas ganhei uma tendinite no ombro esquerdo. Possivelmente é decorrente da minha fibromialgia (que não dava sinal há muito tempo), mas fato é que estou de molho e aguardando a data para início da fisioterapia (viva o plano de saúde que cobra caro e te deixa esperando!).

A partir de 15/01, voltei a praticar warrior diet (embora não esteja malhando braços): desde então, tenho feito apenas 1 refeição por dia (com uma ou duas exceções, no máximo), e me sentido melhor que nunca. O peso que tinha se acumulado nas férias foi embora e voltei aos pouco mais de 62kg que tinha em agosto/2013 (que é o mesmo que tinha aos 18 anos – ou seja, 2 décadas atrás. Nós só crescemos até os 18-20 anos de idade. Se você ganhou peso depois dessa idade e não foi sob forma de músculos, então foi provavelmente gordura: não é um peso que o seu corpo "quer" ter. Você é que o mantém artificialmente, dando ao organismo lixo disfarçado de comida).

Em relação aos últimos exames (feitos durante WD):

Grandeza Valor Observação
Glicemia em jejum 88mg/dl Menor já registrada desde que comecei com dieta paleo
HDL 74mg/dl Diminuiu 4% desde o último exame
LDL 174mg/dl Aumentou 10% desde o último exame
VLDL 9mg/dl Diminuiu 10% desde o último exame
Triglicérides 44mg/dl Diminuiu 11% desde o último exame
Ácido úrico 4.3mg/dl Menor marca registrada desde que comecei com dieta paleo
Triglicérides/HDL 0.59 O ideal é ficar abaixo de 2
HDL/Colesterol total 0.29 O ideal é ficar acima de 0.24
Para ver os gráficos completos, clique aqui.

Continuo fazendo caminhadas diárias de 50-55 minutos (de casa para o trabalho, do trabalho para a faculdade). Continuo fazendo sprints 1 vez por semana (5 tiros de subida nas escadarias do prédio. Cada tiro são 5 andares em menos de 30s, seguido de uns 15-20s de descanso enquanto desço as escadas). Tenho malhado pernas apenas esporadicamente (agachamento, afundamento, passo alto, panturrilhas), porque a preguiça é difícil de vencer...

Nesses 2 anos, percebo o quanto a visão da nutrição no mundo já mudou: o acúmulo das evidências em favor de dietas pobres em carboidrato tem tornado cada vez mais difícil a missão dos que insistem em dizer que "calorias são tudo o que conta", "restrição calórica e exercícios são essenciais para emagrecer" e "gordura saturada faz mal ao coração". A esse pessoal, um lembrete: a ciência não é estática, está em construção constante. Se ela não duvidar de si mesma, não é ciência e sim dogma religioso. Repense seus conceitos!

No mais, comemoro vitórias nesse último ano:



E como não podia faltar, eis o teste do espelho:

Fevereiro/2013 - 76kg
Fevereiro/2014 - 62kg
Fevereiro/2015 - 62kg

A calça continua frouxa :-)


Recomendado para você

Thanks for your comment

Sobre o autor

Mineiro de Teófilo Otoni, morador de Belo Horizonte. Gosto muito de comer, e depois de alguns anos chafurdando na comilança de bobagens, decidi tomar tento e passar a comer comida de verdade. Descobri o modo de alimentação paleo/LCHF em meados de 2010, mas só comecei a por em prática em fevereiro/2013.

Hoje, sou mais feliz - e os exames de laboratório estão TODOS melhores :-D

Acompanhe minha trajetória em fotos aqui.

Aviso!

Este blog é composto por minhas opiniões pessoais, baseadas em auto-experimentação com dieta paleo, e também por artigos traduzidos - estes produzidos por estudiosos do assunto. As opiniões expressas aqui, minhas ou de outros autores, não podem substituir as de seu médico. O que funciona bem para mim, pode não funcionar para outras pessoas. Se você escolher seguir alguma das opiniões aqui publicadas, faça-o com o conhecimento do seu médico!

Visualizações

Seguidores