A escala Bristol de fezes

Mais de uma pessoa me procurou nos últimos dias, querendo saber sobre a mudança de comportamento intestinal quando uma dieta paleo/LCHF é adotada. Via de regra, eu sugiro a leitura destes artigos:



No entanto, hoje me lembrei da "escala Bristol de fezes", que é um indicativo para que se analise os extremos de constipação e diarréia.



  • Tipo 1: esferas separadas e duras, como castanhas (difíceis de evacuar)
  • Tipo 2: em formato de salsicha, mas grumoso
  • Tipo 3: como uma salsicha, mas com rachaduras na superfície
  • Tipo 4: como uma salsicha ou cobra, liso e macio
  • Tipo 5: pedaços macios com bordas definidas
  • Tipo 6: pedaços esponjosos com bordas irregulares, fezes amolecidas
  • Tipo 7: aquoso, sem partes sólidas. Inteiramente líquido


Segundo a Wikipedia, na definição original da escala os pesquisadores propuseram uma correlação entre o tipo de fezes e o tempo gasto no trânsito intestinal. Suas conclusões foram contestadas, mas a escala continua servindo como ferramenta de pesquisa para alguns tipos de doenças e como ferramenta para comunicação entre profissionais de saúde.

Os tipos 3 e 4 são tidos como "saudáveis". 1 e 2 tendem à constipação; 5 a 7, à diarréia.

Mas o ponto é: digamos que você adotou uma dieta paleo/LCHF e sentiu seu intestino ficar mais lento. Antes, era um "reloginho", e agora está incerto – a cada 2 ou 3 dias, por exemplo.

Primeiro: você sente desconforto ? Gases, inchaço, dores ?
Segundo: que tipo de fezes estão sendo produzidas ?

Se você NÃO vai ao banheiro todo dia, mas NÃO tem gases, inchaço e dores, e produz fezes saudáveis, qual o motivo da preocupação ?

Recomendado para você

3 comentários

Click here for comentários
Lisa Soares
admin
27 de janeiro de 2015 17:58 ×

Não é? 👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏

Reply
avatar
28 de janeiro de 2015 20:27 ×

Hehe. Essa pessoa fui eu, creio (insira aqui um emoticon desajeitado). Bom, esclarecendo melhor: sempre(desde a infância, tenho 38 anos) fui constipada (tipos 1 e 2)... Já estava acostumada ao fato de ficar tres, quatro dias sem ir ao banheiro e nem "enfezada" (brava) eu ficava mais. O fato é que eu optei pela reeducação alimentar há 3 anos e fazia como todos aqui já conheceram um dia: redução de gordura, fibras, e produtos integrais. Claro que emagreci, dá certo e tal. Mas não estava feliz, me sentia presa nessa história de comer de 3 em 3 hrs, anabolizar, catabolizar, metabolismo, blablabla. Uma amiga começou a paleo há um ano atras, e eu a acompanhava no instagram. Minha primeira reação foi: IMAGINA! ONDE ISSO VAI DAR CERTO?? (Assim, em caps, tamanha minha indignação!) ... Mas sou muito curiosa e amo ficar instigada. Estudei horrores, li muito,fui envolvida, tudo fazia sentido já, mas nao tinha coragem pra começar. Há alguns dias, decidi que era a hora. Dei tudo de industrializado que ainda tinha em casa (leite sem lactose, cottage, pão integral, trigo integral, enfim.. o que eu nao usaria mais...) e amanheci me alimentando com ovos com bacon e café. Não senti fome até o almoço! Ali foi meu start. Até que no fim do meu primeiro dia, aconteceu a diarreia. Pensei: normal, meu sistema digestório não vê gordura assim há anos! Mas a diarréia aumentou e muito. Como comentei, não havia dor, nem gases, nada. Mas era líquida e cada vez mais clara. Continuei, sem pânicos, até o quarto dia, mais ou menos, quando finalmente me preocupei, porque a flora intestinal estava saindo também (ou parecia muito ser - das vezes que eu estava constipada severamente, no desespero, recorri a um remédio que me levou à internação.. soltou tudo e mais um pouco, chegando na fase da flora intestinal sair tbm -aparência de gelatina e sangue). Havia lido sobre o amido resistente e o fato de precisarem estarem crus e também de diminuir a ingestãod e gordura. Fiquei em duvida, mas te deixei a pergunta, prontamente respondida (obrigada). Tomei uma colher de fécula de batata misturada à um copo cheio com água e tcharã! Tô bem! Fiquei o dia todo sem evacuar nada e voltei a me alimentar paleo sem mais medo - eu tinha diminuido a gordura novamente, quando te perguntei. Ontem a noite, fui ao banheiro normal e hoje já está tudo bem, acho. Está ainda tipo 5... mas acho que por falta de bolo fecal mesmo. Enfim, acho que falei muito né? Mas acho bacana deixar aqui pra futuras indagações de outras pessoas que aderirem. No mais, de novo, obrigada!

Reply
avatar
Teimosia
admin
28 de janeiro de 2015 23:36 ×

Olá, Cláudia

Mantenha-nos atualizados sobre seu progresso! Depois vamos publicar um artigo com o seu caso para inspirar outros!

Hilton

Reply
avatar
Thanks for your comment

Sobre o autor

Mineiro de Teófilo Otoni, morador de Belo Horizonte. Gosto muito de comer, e depois de alguns anos chafurdando na comilança de bobagens, decidi tomar tento e passar a comer comida de verdade. Descobri o modo de alimentação paleo/LCHF em meados de 2010, mas só comecei a por em prática em fevereiro/2013.

Hoje, sou mais feliz - e os exames de laboratório estão TODOS melhores :-D

Acompanhe minha trajetória em fotos aqui.

Aviso!

Este blog é composto por minhas opiniões pessoais, baseadas em auto-experimentação com dieta paleo, e também por artigos traduzidos - estes produzidos por estudiosos do assunto. As opiniões expressas aqui, minhas ou de outros autores, não podem substituir as de seu médico. O que funciona bem para mim, pode não funcionar para outras pessoas. Se você escolher seguir alguma das opiniões aqui publicadas, faça-o com o conhecimento do seu médico!

Visualizações

Seguidores