Cerveja: o adeus

Depois de mais de 1 ano sem tomar cerveja, outro dia eu tomei meio copo de uma golden ale, e meio copo de uma quadruppel. Foi o paraíso para a língua, e o inferno para o intestino :-D

Nas primeiras duas horas pós-cerveja, inchaço e gases mil. Pouco depois, fui promovido a rei e fiquei um bom tempo no trono.

Veredito: cervejas, por mais gostosas que sejam, não são mais para mim... Os muitos meses sem glúten cobraram um preço significativo e ensinaram uma lição: vou continuar (de leve) com os vinhos e o chachaça, e pronto. 

Cerveja, adeus.

Recomendado para você

3 comentários

Click here for comentários
27 de dezembro de 2014 16:00 ×

Pelo menos se despediu em grande estilo!

Reply
avatar
30 de dezembro de 2014 11:42 ×

Bati pesado na cerveja... tomara que venha logo 2015...

Reply
avatar
Thanks for your comment

Sobre o autor

Mineiro de Teófilo Otoni, morador de Belo Horizonte. Gosto muito de comer, e depois de alguns anos chafurdando na comilança de bobagens, decidi tomar tento e passar a comer comida de verdade. Descobri o modo de alimentação paleo/LCHF em meados de 2010, mas só comecei a por em prática em fevereiro/2013.

Hoje, sou mais feliz - e os exames de laboratório estão TODOS melhores :-D

Acompanhe minha trajetória em fotos aqui.

Aviso!

Este blog é composto por minhas opiniões pessoais, baseadas em auto-experimentação com dieta paleo, e também por artigos traduzidos - estes produzidos por estudiosos do assunto. As opiniões expressas aqui, minhas ou de outros autores, não podem substituir as de seu médico. O que funciona bem para mim, pode não funcionar para outras pessoas. Se você escolher seguir alguma das opiniões aqui publicadas, faça-o com o conhecimento do seu médico!

Visualizações

Seguidores