Isso não 'dá colesterol'

Estava lavando pratos hoje cedo, e ao limpar um que estava especialmente engordurado, veio à cabeça uma memória de longa data: em 2002 ou 2003, viajei com a esposa e alguns amigos para um lugarejo chamado Itambé do Mato Dentro, na Serra do Cipó (MG). 

A cidade é famosa pela quantidade de cachoeiras, e passamos bons momentos por lá. Em dada noite, depois de um dia de caminhadas, fomos jantar. De entrada, pedimos uma porção de mandioca e linguiça frita - acompanhada de cerveja, é claro.

Depois de um tempo, o garçon chegou com o prato - estava tudo NADANDO em gordura. Nós nos entreolhamos com aquela cara de "PQP, que mundaréu de gordura!".

Ele viu que estávamos incomodados, e falou: "Vocês estão preocupados com o colesterol, né ? Não precisam se preocupar não... Isso aqui não dá colesterol não. É tudo frito na banha de porco... Não é como esses óleos da cidade".

A gente agradeceu o conselho nutricional, e depois que ele saiu de perto, gastamos muitos guardanapos secando tudo antes de comer. E fizemos piadas, muitas piadas - virou piada recorrente, inclusive: depois desse dia, sempre que víamos alguma coisa pingando gordura, repetíamos imitando o sotaque do garçon "Isso aqui não dá colesterol não, sô. É tudo frito na banha de porco".

Pois é... Mais de 10 anos se passaram, e agora reconheço quem era o bobo na ocasião. O garçon, moço simples criado lá na cidadezinha, estava coberto de razão. 

Quanto a mim... Sabia de nada, inocente!


Se não me engano, Cachoeira da Serenata, em Itambé (a última das das 3 quedas)

Recomendado para você

6 comentários

Click here for comentários
10 de outubro de 2014 11:21 ×

Sensacional...........igual ao livro da Rebecca....o povo de antigamente é que sabia das coisas....ou não era enganado facilmente.....

Reply
avatar
Alexandre
admin
13 de outubro de 2014 20:11 ×

Eita mundão véio sem portera...
Na verdade sabemos que eleva o colesterol total, mas que isto não é problema, porque também eleva o HDL e a relação do total com o HDL que é o que importa, não é?
Enfim, é uma gordura que faz bem.

Reply
avatar
16 de outubro de 2014 13:08 ×

Cara, há alguns meses venho seguindo o seu site e hoje me deparei com este post. Ri aos montes... Moro em Brasília há alguns anos, mas sou de Itabira-MG, pertinho de Itambé do Mato Dentro e, claro, já fui lá muitas vezes. Saudade dos botequinhos e os petiscos!!!!

Reply
avatar
Jussara
admin
22 de outubro de 2014 15:52 ×

Hahaha, hilário! O mais engraçado foi o assunto ter virado piada entre vocês. E hoje só ficamos nos perguntando "por que não nos falaram isso antes?"

Ano passado meu pai apresentou degeneração macular, uma doença que limita demais a visão e não tem tratamento. Estava pensando quantas doenças poderiam ser evitadas ou minimizadas com uma boa alimentação ao longo da vida, e se nós vamos conseguir evitar algumas quando chegarmos lá...

Reply
avatar
Thanks for your comment

Sobre o autor

Mineiro de Teófilo Otoni, morador de Belo Horizonte. Gosto muito de comer, e depois de alguns anos chafurdando na comilança de bobagens, decidi tomar tento e passar a comer comida de verdade. Descobri o modo de alimentação paleo/LCHF em meados de 2010, mas só comecei a por em prática em fevereiro/2013.

Hoje, sou mais feliz - e os exames de laboratório estão TODOS melhores :-D

Acompanhe minha trajetória em fotos aqui.

Aviso!

Este blog é composto por minhas opiniões pessoais, baseadas em auto-experimentação com dieta paleo, e também por artigos traduzidos - estes produzidos por estudiosos do assunto. As opiniões expressas aqui, minhas ou de outros autores, não podem substituir as de seu médico. O que funciona bem para mim, pode não funcionar para outras pessoas. Se você escolher seguir alguma das opiniões aqui publicadas, faça-o com o conhecimento do seu médico!

Visualizações

Seguidores