Dieta low-carb pode reverter falha renal em pessoas com diabetes

Esse artigo bem que poderia se chamar "como tirar conclusões idiotas a partir de um resultado promissor". Não resisti, e fiz alguns comentários (em vermelho).

Artigo traduzido por Hilton Sousa. O original está aqui.


Pesquisadores da Escola de Medicina Mount Sinai determinaram pela primeira vez que a dieta cetogênica, uma dieta especializada rica em gorduras e pobre em carboidratos, pode reverter função renal comprometida em pessoas com diabetes tipo 1 e 2. Eles também identificaram um painel de genes previamente não-associado com a falha renal ligada ao diabetes, cuja expressão foi revertida pela dieta.

As descobertas foram publicadas na edição atual da PLoS ONE.

Charles Mobbs, PhD, Professor de Neurociência e Geriatria e Cuidados Médicos Paliativos na Escola de Medicina Mount Sinai, e seu time de pesquisadores, avaliaram ratos geneticamente predispostos a terem diabetes tipo 1 e 2. Os ratos foram levados a desenvolver neuropatia diabética, ou falha renal. Metade deles foi posta em dieta cetogênica, enquanto o grupo de controle manteve uma dieta padrão rica em carboidratos. Os pesquisadores descobriram que após 8 semanas, a falha renal foi revertida nos ratos que seguiam a dieta cetogênica.

"O nosso estudo é o primeiro a mostrar que uma intervenção dietária apenas, é suficiente para reverter esta séria complicação do diabetes", disse o Dr. Mobbs. "Esta descoberta tem implicações significativas para dezenas de milhares de americanos diagnosticados com falha renal diabética, e possivelmente outras complicações, a cada ano".

A dieta cetogênica é pobre em carboidratos, moderada em proteínas e rica em gorduras, tipicamente usada para controlar ataques em crianças com epilepsia. Muitas células podem extrair sua energia de corpos cetônicos, que são moléculas produzidas quando os níveis de glicose sanguínea estão baixos e os níveis de gordura sanguínea estão altos. Quando as células usam cetonas ao invés de glicose como combustível, a glicose não é metabolizada. Uma vez que alto metabolismo de glicose causa falha renal nos diabéticos, os pesquisadores hipotetizaram que a dieta cetogênica iria bloquear estes efeitos tóxicos da glicose. Considerando os requisitos extremos da dieta, esta não é uma solução de longo prazo em adultos (Quais são os requisitos "extremos", meu amigo ??? Deixar de comer lixo refinado, e caprichar mais nas gorduras e folhas verdes do que em tubérculos ? Tenha paciência...). Entretanto, a pesquisa do Dr. Mobbs indica que a exposição à dieta por períodos tão curtos quanto 1 mês pode ser suficiente para restabelecer a expressão genética e o processo patológico que levam à falha renal.

Os pesquisadores também identificaram uma grande gama de genes expressados durante a nefropatia diabética, que previamente não se sabia ter papel nesta complicação. Estes genes estão associados com falha renal como resultado do estresse no funcionamento celular. O time descobriu que a expressão destes genes também é revertida em ratos com dieta cetogênica.

O Dr. Mobbs e seu time planejam continuar a pesquisar o impacto da dieta cetogênica e o mecanismo pelo qual ela reverte a falha renal em pessoas com diabetes, e em falha renal ligada à idade. Ele acredita que a dieta cetogênica poderia ajudar a tratar outras doenças neurológicas e retinopatia, uma doença que resulta em perda da visão.

"Saber como a dieta cetogênica reverte a nefropatia vai nos ajudar a identificar um novo alvo para drogas e intervenções farmacológicas subsequentes que imitem o efeito da dieta", diz o Dr. Mobbs. "Nós queremos estudar estes desenvolvimentos promissores mais a fundo". ("Novo alvo para drogas e intervenções farmacológicas" ? Como é que alguém pode ter um raciocínio tão idiota ? É mais ou menos assim: "Descobrimos um jeito de fazer os automóveis funcionarem sem usar combustíveis fósseis. Agora vamos usar esse conhecimento para construir motores mais eficientes... em usar combustível fóssil. Não faz muito mais sentido "imitar o efeito da dieta" fazendo a dieta ? Que tristeza que dá no coração...)

Este estudo foi financiado em parte pelo Instituto Nacional de Saúde e pela Fundação de Pesquisa da Diabetes Juvenil

A história acima é baseada no material provido pela Hospital Mount Sinai Hospital / Escola de Medicina do Mount Sinai

Referência:

Michal M. Poplawski, Jason W. Mastaitis, Fumiko Isoda, Fabrizio Grosjean, Feng Zheng, Charles V. Mobbs. Reversal of Diabetic Nephropathy by a Ketogenic Diet. PLoS ONE, 2011; 6 (4): e18604 DOI: 10.1371/journal.pone.0018604

Recomendado para você

2 comentários

Click here for comentários
Sra. Love
admin
23 de outubro de 2014 19:07 ×

Nossa! Exatamente o que eu estava buscando! Obrigada! Site suuuper informativo. Parabéns!

Reply
avatar
8 de novembro de 2014 16:44 ×

Acho que a conclusão correta deveria ser algo como:
"Torna-se claro a necessidade da implantação de diretrizes nutricionais cetogênicas para pacientes com falha renal causada por diabetes."

Hilton, parabéns pela tradução e pelas críticas pertinentes. Os médicos precisam aprender a curar os pacientes e não ficar vendendo drogas a torto e a a direito.

Reply
avatar
Thanks for your comment

Sobre o autor

Mineiro de Teófilo Otoni, morador de Belo Horizonte. Gosto muito de comer, e depois de alguns anos chafurdando na comilança de bobagens, decidi tomar tento e passar a comer comida de verdade. Descobri o modo de alimentação paleo/LCHF em meados de 2010, mas só comecei a por em prática em fevereiro/2013.

Hoje, sou mais feliz - e os exames de laboratório estão TODOS melhores :-D

Acompanhe minha trajetória em fotos aqui.

Aviso!

Este blog é composto por minhas opiniões pessoais, baseadas em auto-experimentação com dieta paleo, e também por artigos traduzidos - estes produzidos por estudiosos do assunto. As opiniões expressas aqui, minhas ou de outros autores, não podem substituir as de seu médico. O que funciona bem para mim, pode não funcionar para outras pessoas. Se você escolher seguir alguma das opiniões aqui publicadas, faça-o com o conhecimento do seu médico!

Visualizações

Seguidores