Saco de treino búlgaro

Ainda no "Back to primal", descobri outro equipamento bacana que dá para fazer em casa: saco de treinamento búlgaro. Na prática, a idéia é encher um saco de areia e jogar nas costas para servir de peso. O cara que inventou era ex-militar da Bulgária, e por isso o nome ficou. 

Dá para fazer agachamentos, flexões, correr com ele, e mais um mundaréu de exercícios.

Não sou eu

Não sou eu tampouco

As versões profissionais são cheias de alças e empunhaduras, mas os caseiros, feitos de câmara-de-ar e areia, ficam toscões mesmo. Para comparar:


Profissional

O meu :-)

Usei a metade de uma câmara de ar de pneu de Fusca, que um amigo me deu. Como a câmara é fininha, o resultado foram quase 6kg de areia. Agora é brincar bastante, e depois conseguir uma câmara maior para fazer um de 10-15kg. A maromba de pernas agradece :-)


Recomendado para você

2 comentários

Click here for comentários
Andre Cruz
admin
24 de agosto de 2014 19:21 ×

Que legal o saco e mais legal a sua ideia.

Reply
avatar
Teimosia
admin
24 de agosto de 2014 19:36 ×

A idéia não é minha não... Roubei do cara do "Back to primal" :-) Aliás, se alguém tiver câmaras de ar velhas por aí, pode me mandar ? Fui a umas 4 borracharias aqui, e ninguém tinha. Como os pneus novos não usam mais isso, agora parece ser raridade...

Reply
avatar
Thanks for your comment

Sobre o autor

Mineiro de Teófilo Otoni, morador de Belo Horizonte. Gosto muito de comer, e depois de alguns anos chafurdando na comilança de bobagens, decidi tomar tento e passar a comer comida de verdade. Descobri o modo de alimentação paleo/LCHF em meados de 2010, mas só comecei a por em prática em fevereiro/2013.

Hoje, sou mais feliz - e os exames de laboratório estão TODOS melhores :-D

Acompanhe minha trajetória em fotos aqui.

Aviso!

Este blog é composto por minhas opiniões pessoais, baseadas em auto-experimentação com dieta paleo, e também por artigos traduzidos - estes produzidos por estudiosos do assunto. As opiniões expressas aqui, minhas ou de outros autores, não podem substituir as de seu médico. O que funciona bem para mim, pode não funcionar para outras pessoas. Se você escolher seguir alguma das opiniões aqui publicadas, faça-o com o conhecimento do seu médico!

Visualizações

Seguidores